2º Workshop Levantando a Máquina - Fotografia e Ousadia, c/ Custodio Coimbra

 

01 e 02 de julho

Sábado,  de 9h às 18h, com intervalo de uma hora para almoço

Domingo, de 09h às 13h

Levantando a máquina – Fotografia e ousadia é o tema do encontro de um fim de semana com Custodio Coimbra, que elege a rua como palco e objeto da exploração fotográfica. A dinâmica começa com a projeção e a leitura crítica de fotos produzidas por Custodio nos últimos 30 anos, que revelam a cidade em sua diversidade. Da experiência acumulada, Custodio abordará a hora da espera, da aproximação, a agilidade e a atenção à sincronicidade da cidade em movimento. O workshop inclui o acompanhamento em uma saída fotográfica nos arredores do Ateliê Oriente. As fotos dos participantes serão depois analisadas em grupo, levando em conta conteúdo, estética, estilo e técnica de cada um.

 

PROGRAMA

Sábado, 01/07

Manhã – Projeção e leitura crítica.

Tarde – Saída Fotográfica.

Domingo, 02/07

Manhã – Análise das fotos produzidas pelos participantes.

 O QUE LEVAR

Equipamento fotográfico e um pendrive com as fotos selecionadas.

Carga horária: 11h

Investimento: R$ 340

Formas de pagamento:

- Cartão de crédito (em até 10x com juros)

- Boleto bancário

- Débito online

 

*CUSTODIO COIMBRA é um dos expoentes da fotografia brasileira contemporânea. Fotógrafo de imprensa,  62 anos, passou pelos principais jornais do Rio e há 26 anos trabalha no jornal O Globo. Além de fotos divulgadas em jornais e revistas mundo afora, tem seu trabalho publicado em vários livros, entre eles, Rio de Cantos Mil (2010)  e Guanabara Espelho do Rio,  (2016). Carioca, é hoje um artista requisitado entre colecionadores do mercado de fotografia de arte. Participou de dezenas de mostras coletivas e individuais, no Brasil e no exterior. Em sua carreira, registrou o período de redemocratização do Brasil, o movimento pela anistia, as campanhas das Diretas Já e presidenciais. Cobriu as Copas do Mundo de Futebol, na Itália, em 1990,  e no Brasil, em 2014.  Artista premiado, tem sua obra identificada com a história e a paisagem do Rio de Janeiro.

PRINCIPAIS PRÊMIOS

XVI Prêmio Wladimir Herzog, 1994.

Prêmio Esso de Contribuição à Imprensa, Retratos do Rio, O Globo, 2001.

Prêmio Ayrton Senna de Jornalismo, Retratos do Rio, O Globo, 2001.

Prêmios Iberamericanos de Comunicación por los Derechos de la Niñez y de la Adolescencia, Unicef, 2001.

Prêmio CNT de Fotografia, 2005 e 2012.

Prêmio Petrobrás de Fotografia, 2015.